Investigação e Remediação de Áreas Contaminadas

Investigação e Remediação de Áreas Contaminadas

Com o atual avanço de empreendimentos imobiliários residenciais e comerciais sobre antigas áreas industriais ou postos de abastecimento de combustíveis, tem-se registrado a existência de passivos ambientais decorrentes da contaminação do solo e das águas subterrâneas, sendo necessária a execução de estudos de investigação ambiental, cuja execução é obrigatória em todo o território nacional. Constatada a presença de contaminantes, deve-se implementar um plano de intervenção para promover a remediação, devidamente comprovada através de relatórios técnicos.

 

O processo de investigação é seqüencial e segue as diretrizes estabelecidas, no Estado de São Paulo, pela CETESB através do “Manual de Gerenciamento de Áreas Contaminadas”. Inicialmente avalia-se o potencial de contaminação local com base no seu histórico de uso. Posteriormente, constatada a possibilidade de contaminação, executam-se procedimentos de investigação direta para se confirmar o dano ambiental, o qual é posteriormente detalhado, com a caracterização dos contaminantes e delimitação da área atingida. Os instrumentos de remediação dependem do tipo de contaminante e características intrínsecas do solo, relevo e hidrogeologia local.

 

A ENGEMA ENGENHARIA, empresa do Grupo ENGEMA especializada na gestão de áreas contaminadas, mantém equipe de profissionais especializados no levantamento dos passivos, investigação preliminar, confirmatória e detalhada, bem como delineamento de planos de remediação, alocando e operando equipamentos com tecnologia MPE (Estrator Multi Fásico), com expertise comprovada na conversão de áreas contaminadas em áreas remediadas perante a CETESB.

Sobre o Autor

engema1 administrator

Deixe uma resposta